” obrigado, Menino Deus

0

Hoje quero te fazer um convite. Naa preparação para a ceia de Natal, faça um pouco de silêncio. Compreenda o mistério desta noite santa: manifestou-se a graça de Deus, o seu presente gratuito; no Menino que nos é dado, concretiza-se o amor de Deus por nós. É uma noite de glória. De alegria: porque, desde agora e para sempre, Deus não está longe, está próximo, fez-se homem e não se separará desta nossa humanidade. É uma noite de luz. Esta noite de Natal tem um sabor de esperança, porque, não obstante as nossas trevas, resplandece a luz de Deus.

Ele é a luz que brilhou na escuridão, trazendo a todos a esperança de uma nova vida. Somos convidados a continuar celebrando o tempo do Natal, que iluminará nossa vida e nossa caminhada histórica para que possamos ser sinais da presença de Deus diante de uma sociedade A cada ano a celebração do Natal é nova oportunidade de vermos as consequências do mistério da revelação cristã. Já no Antigo Testamento Deus falou de muitos modos, mas Ele quis de maneira extraordinária e excepcional tornar o invisível em visível, através de seu filho Jesus Cristo que nasce de Maria.

E o clamor que havia entre o povo não é do passado. Hoje, há um desejo no coração das pessoas. Muitos anseiam por essa luz, por uma vida nova, por novos tempos. Um mundo diferente, com mais justiça, paz e fraternidade. Entremos verdadeiramente no Natal, levando a Jesus aquilo que somos, as nossas marginalizações, as nossas feridas não curadas. Assim, em Jesus, saborearemos o verdadeiro espírito do Natal – a beleza de ser amado por Deus.

Com Maria e José, paremos diante do presépio e contemplando Jesus que nasce, seu amor humilde e infinito, digamos-lhe obrigado: Obrigado, porque fizestes tudo isto por mim.

Por: Padre Omar,  Reitor do Santuário do Cristo Redentor do Corcovado.

 

O Dia

Deixe sua Resposta!

(Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor do comentário).

error: Conteúdo protegido e rastreado!